sábado, 1 de julho de 2017

ANEDOTAS

Era uma vez um ceguinho que todos os dias pedia esmola na Praça Central, com uma lata na mão.
Ele sacudia a lata e a moeda que estava lá dentro saltava e voltava a cair na lata fazendo barulho, e ele dizia: 
- Uma esmolinha pelo amor de Deus! 
Até que um dia passou um miúdo a correr e apanhou a moeda no ar.
Então o ceguinho disse: 
-Minha nossa senhora...agora tá tudo lixado, eu já era cego e agora também fiquei surdo!
Enviar um comentário